Eu não sei o que é ser mãe

Eu não sei o que é ser mãe. No máximo, escrevi um livro, plantei muitas árvores, criei cães e gatos, hoje ainda os crio. Eu não sei o que é levantar no meio da madrugada pensando se o termômetro podia estar errado, que está tudo bem na sua espera sem fim, ou se agiu certoContinuar lendo “Eu não sei o que é ser mãe”

Terra, divindade feminina

Temos tratado a Terra e a Natureza como “ela”, na terceira pessoa, distante de nós, considerando que “ela” componha somente a paisagem em torno, de quem vive no espaço rural, ou o imaginário de quem é urbano. Distante e separada, um tratamento de ausência permanente. Não nos damos conta, de ordinário, que somos a Terra,Continuar lendo “Terra, divindade feminina”